Palavras

Rogério está ferido
Não é uma ferida qualquer
Essa ferida nem marcas deixou
Mas talvez ele nem consiga ficar de pé

Curiosos o cercam
Em sua imaginação
Imaginam o que pode ter ocorrido
Àquele jovem caído


Será um tiro?
Ou uma facada?
Será que deram nele uma flechada?
Talvez ela estivesse envenenada!


Não sabem esses pobres curiosos
Quem quem dera uma flechada fosse
Envenenada ou sem nada
Seria mais fácil de ser tratada


O que feriu aquele jovem
Foi uma palavra
Mal[dita], mal pensada
Intencionalmente direcionada


Uma palavra que o feriu por dentro
Saiu corroendo
Que quase o matou
Inundou-o de desamor


Palavras podem matar
Por favor, se esquecer volte a lembrar
É de suma importância
Que você saiba se controlar


Aparentemente inofensivas
Palavras são as mais vivas
Penetram quando são ouvidas
E podem destruir vidas

Tome cuidado com o que falas
Tua língua é tua arma
Podes pregar a paz
Mas podes causar a guerra

"Não Matarás" também se usa
Quando com tua língua
Acusas, Feres,
Quando tua língua pra o mal, tu usas.

0 comentários:

Deixe seu comentário

Deixe aqui seu comentário! o/

P.S.:¹ Leia o post antes de comentar :D
P.S.:² Seja sempre respeitoso e educado, ou seu comentário será removido. :B