Aquele cantinho...

Estava ela ali, sentada. Seus membros todos imóveis no corpo, mas sua mente viajava, de novo.
Aquela menina vivia viajando na mente.
Quem sabe no que ela pensava?
Mas quando ela ali sentava, todos já sabiam... lá foi ela sonhar.
Uma vez ela me disse, que não tinha dinheiro para realizar, mas tinha mente para sonhar.
Levantava dali com um sorriso tão grande no rosto, que parecia que naquele canto havia algo mágico, onde se podia fazer coisas sem sair do lugar..."um dia" - eu disse - "vou testar!"
Certa vez, então, resolvi que era a hora. Tomei meu banho demorado, escovei os dentes bem escovados, vesti uma roupa bonita, um perfume e fui com o cabelo bem penteado, parecia que eu ia para uma festa!
Sentei lá, naquele lugar onde aquela garota viajava.
A princípio, logo pensei "perdi meu tempo todo! meu arrumei e perfumei para sentar aqui nesse canto, ôco!" mas logo observei, o que nunca havia percebido,
aquele lugar, onde a garota sentava era alto, bem alto, como nunca havia notado. Sentei naquele pedaço de canto, cruzei as pernas e senti o vento, bater suave em meu rosto. Meus cabelos voaram e sentir um renovo!
Abri os meus olhos e vi o céu azul, olhei para baixo e vi toda a cidade, desde uma ponta a outra.
Não me lembro de ter me sentido tão suave em tanto tempo.
Parecia que eu podia voar.
Demorei um tempo, e ao notar o sol se esconder, levantei-me e saí, com um sorriso no rosto bobo, entendendo perfeitamente que aquele lugarzinho no morro, poderia trazer uma paz, que muita gente no luxo, não pode desfrutar.
Me desculpe, minha cara garota, mas aquele cantinho, terás que dividir. O segredo dele... vocês terão que descobrir.

(Foto: ultradownloads.com.br)



0 comentários:

Deixe seu comentário

Deixe aqui seu comentário! o/

P.S.:¹ Leia o post antes de comentar :D
P.S.:² Seja sempre respeitoso e educado, ou seu comentário será removido. :B